12 de outubro de 2013

BASILÉIA SCHILINK - FUNDADORA DA IRMANDADE EVANGÉLICA DE MARIA ( Canaã no Brasil )



BASILÉIA SCHILINK  - FUNDADORA DA IRMANDADE EVANGÉLICA DE MARIA
* Irmandade Evangélica com sede na Alemanha e Curitiba PR
Nossos Preceitos -
Arrependa-se diariamente – e você terá cada dia um gostinho do Reino dos Céus. E quanto maior for o seu arrependimento, tanto mais amplamente abrir-se-lhe-ão os portais para o Reino dos Céus.Salmo 51.7,8
Dirija-se àquele contra o qual você tenha algo em seu coração – ou ele contra você – e reconcilie-se, e a oração alcançará os céus e terá poder. Mateus 5.23,24.
Quando você encontrar alguém, deixe que a sua saudação ao outro seja uma bênção – e Deus, por Seu lado, há de abençoar você lá dos céus. 1 Pedro 3.9b Ouça e faça o que Jesus diz: Creia e conte com Sua vitória, Suas promessas, e você há de contemplar Sua vitória e a glória de Deus - tanto aqui como na eternidade. Deus se revela aos olhos da fé. Marcos 5.36b 






Reavivamento
    11 de Setembro de 1944: Darmstadt é destruída por um ataque aéreo; mais de 12.000 pessoas estão mortas... Durante anos as nossas Madres haviam orado por um reavivamento nos grupos de estudos bíblicos para moças que elas lideravam; agora, suas orações haviam sido atendidas -mas de maneira diferente daquela que haviam esperado. Naquela noite, as moças conheceram a Deus em Sua santidade, como Juiz e Senhor sobre a vida e a morte. Nada podia ficar escondido; nenhum cristianismo morno poderia manter-se em Sua presença santa.
    Em seguida àquela noite de terror, houve um movimento dentre as moças, para que  trouxessem à luz o pecado e  recebessem o perdão. "Onde existe perdão dos pecados, há também vida e salvação" (Martinho Lutero). O momento de Deus havia chegado. Das cinzas surgiu vida nova.
 
Tem início uma nova Irmandade Evangélica

30 de março de 1947: Cerimônia inaugural da Irmandade, na casa dos pais da Madre Basilea, chamada "Casa Steinberg", que havia, em grande parte, escapado ao bombardeio.
O co-fundador, Paul Riedinger, um Pastor-Superintendente da Igreja Metodista (f. 1949), deu à Irmandade o nome de Maria, a mãe de Jesus, que exemplificava a fé e a dedicação à vontade de Deus, seguindo Jesus até à cruz. As primeiras Irmãs eram na maioria da igreja luterana, mas atualmente a Irmandade conta com membros de muitas denominações evangélicas, procedentes de 18 nacionalidades.




Canaã no Brasil 
Muitos anos antes do início da Irmandade, Deus preparou as nossas Madres fundadoras para o seu futuro ministério, orientando-as para viverem sem nenhuma segurança terrena, somente na dependência dEle, o seu Senhor. Ao deixar que Deus fosse o seu único auxílio e refúgio em qualquer situação, elas foram treinadas na confiança e fortalecidas na fé, para mais tarde serem capazes de conduzir toda nossa obra por este mesmo caminho.
Madre Basilea e Madre Martyria tomaram uma corajosa posição cristã, durante o regime de Hitler. Quando era a presidente nacional do "Movimento Cristão das Estudantes Alemãs" (1933-35), Madre Basilea recusou-se a compactuar com a política nazista, que impedia aos judeus cristãos de participarem dos encontros e reuniões. Durante a II Guerra Mundial ela arriscou a vida e a carreira, falando publicamente sobre o destino singular de Israel, o povo de Deus. Convocada duas vezes a comparecer perante a polícia de segurança nazista pelo fato de proclamar o senhorio de Jesus Cristo, permitiram-lhe que saísse ilesa, a despeito de sua firme postura. Madre Martyria mantinha estudos da Bíblia para jovens e também ensinava-lhes o Antigo Testamento, que  era proibido durante o regime de Hitler





Madre Basilea (Drª Klara Schlink, , 1904 - 2001, abaixo a direita), doutorado em Psicologia na Universidade de Hamburgo, 1934 - foi líder do Movimento Cristão das Estudantes Alemãs. Madre Martyria (Erika Madauss, abaixo à esquerda, 1904 - 1999), Faculdade de Treinamento para Assistência Social, em Hamburgo e Londres.







Ministério Canaã no Brasil
info@canaan.org.br
Curitiba - PR       




. Creia no Senhor Jesus Cristo, seu Senhor e Salvador. Entregue-Lhe sua vida, de preferência por escrito ou na presença de uma pessoa que crê em Jesus.

2. Confesse todos os seus pecados conhecidos, incluindo envolvimento com ocultismo, na presença de alguém que possa orar com você. Repita isso todas as vezes em que você cair novamente em pecado.

3. Renuncie a estes pecados pela fé na vitória de Jesus Cristo e no poder de Seu precioso sangue. Em nome de Jesus ordene que os poderes malignos se afastem! Em casos difíceis repita isto freqüentemente, podendo também pedir a um cristão experiente, com autoridade espiritual, para orar por sua libertação.
4. Aceite a libertação pela fé. Resista a Satanás com a arma da Palavra de Deus, quando tentar de novo controlar sua vida. Diga-lhe: "Afaste-se de mim, Satanás!" E proclame: "Eu entreguei minha vida a Jesus Cristo, confessei todos os meus pecados, Satanás não tem mais direito sobre mim."
5. Corte definitivamente as amizades com pessoas que estão envolvidas no ocultismo. Não se ocupe mais com nada que tenha a ver com as forças ocultas. Jogue fora tudo o que está relacionado com ocultismo, incluindo CDs ou álbuns rock, e livros, ou melhor - destrua-os! Evite lugares de tentação, como discotecas e festivais de rock. Busque novos amigos que sejam cristãos verdadeiros.
6. Leia a Bíblia todos os dias. Viva com a Palavra de Deus em seu coração, deixando que ela lhe fale na sua situação e problemas atuais, por meio do Espírito Santo.

7. Comece a orar, ou seja, conte tudo a Jesus, apresente-Lhe seus pedidos e agradecimentos. Confie nEle inteiramente, pois Ele é o seu melhor amigo. Para Ele tudo é possível e estará sempre com você.
M. Basilea Schlink



LIVROS E OBRAS


Histórias Fantásticas e a Chocante Realidade
Bruxas, feiticeiros e fantasmas do mundo das lendas e contos de fadas, sempre pertenceram a um reino sinistro e perigoso. Os dragões e monstros costumavam ser símbolos do mal. A despeito da emoção e da fascinação dos enredos misteriosos, todos vibravam quando o herói fictício escapava das garras malignas e, no fim, o bem triunfava sobre o mal. Infelizmente, esses dias pertencem ao passado.
A batalha entre luz e trevas tem sido travada, através dos séculos, nas vidas das pessoas e no palco da história mundial. Mas, nas décadas recentes, temos visto uma crescente incapacidade para distinguir entre a luz e as trevas, entre o bem e o mal. Este engano continua nos dias atuais, em sempre novas variações, dirigindo-se agora para nossos filhos e os refúgios, anteriormente seguros, de seus lares e suas escolas.
O Inferno se Transforma em Entretenimento
As bruxas, feiticeiros e demônios tornaram-se atualmente parte de muitas festinhas infantis. Os monstros, que antigamente teriam inspirado medo, tornaram-se brinquedos favoritos.
O inferno perdeu o seu terror e tornou-se uma diversão. Há anos atrás, Halloween era uma festa desconhecida na maioria dos países em que não se fala o inglês. Atualmente está sendo celebrado em todo o mundo. Os convites para as festas prometem: "Lobos uivando, vampiros sedentos de sangue, bruxas aguardando para instilar horror. Não queimamos bruxas; nós as amamos! Ocasionalmente um visitante pode ser enforcado, ou ter o seu sangue sugado, se preferir."
Não basta que o nosso mundo tenha se tornado mais e mais sujeito à violência, assassinato e terror? Aparentemente tornou-se mais divertido aumentar os calafrios e os arrepios, até que este assim chamado "divertimento" termine explodindo numa realidade chocante.
O Que Deixou de Ser Dito?
O que deixou de ser dito? Embora Jesus tenha avisado repetidamente sobre Satanás e o inferno, a maioria dos cristãos permanece em silêncio sobre esses assuntos. Antigamente as pessoas tinham um medo saudável do inferno.

Hoje, as pessoas têm medo de falar no assunto, com medo de parecerem ridículas, e que se riam delas, ou de serem acusadas de fundamentalistas. Um conhecido pastor de jovens, o alemão Dr. Theo Lehmann, declarou o seguinte: "O inferno foi removido discretamente, porque ninguém ousa falar sobre isso." A verdade é que o Evangelho de nosso Senhor Jesus Cristo não é uma mensagem ameaçadora, mas de alegria. Que preço elevado Ele pagou para salvar-nos do poder do Maligno e do inferno! Contudo, antes de nos regozijarmos pela nossa redenção, nós cristãos, devemos dar-nos conta que foi o nosso pecado o causador da morte dEle.
Como o Inferno Triunfa
Que paradoxo! Embora o inferno tenha sido supostamente banido, vemos os seus sinais por toda parte. Mas ninguém se preocupa com isto, desde que ele tenha tomado a forma de diversão e entretenimento. Como Satanás não é levado a sério, ele pode continuar a exercer o seu poder livremente. As autoridades parecem não ter nenhum poder quando se trata de impedir profanação satânica e assassinatos em rituais de magia. Pelo fato de não compartilharmos abertamente as verdades bíblicas sobre o inferno, a morte e o inimigo, não temos nós, cristãos, contribuído para esse triunfo do inferno?
Jesus nos alerta a respeito da época que precede a Sua Segunda Vinda. "Cuidado, que ninguém os engane" (Mateus 24.4,NVI). No Livro do Apocalipse vemos que Satanás é o enganador de todo o mundo (Apocalipse 12.7-9). O poder das trevas, com todas as suas ofertas tentadoras, está buscando novamente ganhar o controle sobre nós.
Harry Potter - Um Passatempo Inocente?
Todos sabem que aquele que ganha as crianças, ganha o futuro. O quinto livro sobre Harry Potter, de J. K. Rowling, começou a ser vendido nas livrarias de todo o mundo, em junho de 2003. Aproximadamente 192 milhtes de livros já foram vendidos, traduzidos em 55 línguas. Cerca de 200 países os estão vendendo. Cada um dos filmes, baseados nos livros, têm sido um sucesso nas bilheterias dos cinemas. Tendo em vista a geração das crianças que estão sendo influenciadas, esta é uma triste notícia!
Superficialmente, Harry Potter parece ser amigável, corajoso, fiel e com uma personalidade simpática. A sua ambição é cumprir as expectativas de seus pais já falecidos. Eles mesmo sendo feiticeiros, foram assassinados, e ele deseja honrar a memória de seus pais. Estes antecedentes propulsionam o enredo em seu curso inevitável.
Magia, feitiçaria e maldições - seja o que for que pertença ao ocultismo - são mostrados como positivos e aceitáveis. Aqueles que discordam, são chamados de "muggles", e são apresentados como malvados. Os contos de fadas tradicionais tinham geralmente um final feliz, deixando o leitor com um sentimento de alívio de que ele ou ela haviam deixado para trás o reino do oculto. Isto não acontece com Harry Potter. O leitor nunca deixa o reino do ocultismo, ao contrário, é levado cada vez mais para dentro dele.
Comparados com as últimas edições, o primeiro livro e o primeiro filme são relativamente inofensivos. Entretanto, desde o princípio eles retratam o ocultismo como norma, e como algo positivo. As crianças participam em aventuras de perder o fôlego, engenhosamente projetadas, que envolvem assombrações, horrendos acontecimentos sobrenaturais e assassinatos. É um intenso treinamento de magia.
Qual é a Realidade Por Trás de Tudo Isto?
Embora sejamos levados a crer que as fórmulas mágicas e as proclamações nos livros de Harry Potter são pura fantasia, a sua constante repetição é um fator de preocupação. Esta doutrinação conduz a um envolvimento mais profundo com o ocultismo. Os corações das crianças são facilmente cativados. Quando esses livros tornam-se a leitura requerida nos colégios, classes inteiras de alunos são introduzidas no ocultismo. Os pais e os professores ficam satisfeitos que os seus filhos estão lendo com grande interesse. Uma vez que é despertado o interesse do aluno, ele ou ela tornam-se capazes de contatar líderes experientes na Internet, para receberem maiores informações sobre maldições eficazes e rituais.
É fácil de imaginar que as crianças e os alunos experimentam uma excitação e um grande senso de poder, quando aprendem a desenvolver essas forças sinistras e a usá-las contra professores impopulares ou colegas que detestam, ou para controlar outras pessoas com suas fórmulas de encantamento. Quantos fãs de Harry Potter ficam fascinados pela idéia de que podem livrar-se de sua raiva, rebelião e frustração de um modo tão fácil! Isto faz com que se sintam importantes. Harry Potter tem o sinal da “eleição mágica”. Muitas crianças hoje em dia estão também marcadas por este sinal. Isto não é uma brincadeira inofensiva!
Há uma verdadeira batalha acontecendo no reino espiritual. A Madre Basilea Schlink, PH.D., fundadora da Irmandade Evangélica de Maria, mencionou este assunto na publicação Nova Era - à luz da Bíblia - “O objetivo da filosofia da Nova Era é reconciliar todos os opostos: a ciência e o ocultismo são colocados no mesmo nível. Todos os valores éticos desmoronam-se. O bem e o mal já não mais existem. Tudo é uma coisa só.”
O currículo na escola de feitiçaria e bruxaria que Harry freqüenta, inclúi maldições e contra-maldições, com um poder crescente. Estas práticas são introduzidas no leitor: alunos contra alunos; professores contra alunos; alunos contra professores. Finalmente, estas maldições até torturam e matam. Uma maldição freqüentemente usada é “Crucio!”, que em latim significa: “Eu crucifico! Eu torturo! Eu imponho a dor!” No volume quatro, uma maldição de morte é pronunciada e executada através de um ritual de sangue. É por demais horrendo para ser descrito aqui.
Enganados e em Perigo
Nos antigos contos de fadas, o bem triunfa sobre o mal. Mas não com Harry Potter, onde o mal é vencido pelo mal. O bem e o mal são misturados tão sutilmente, que já não se pode distingui-los e os valores são anulados. Harry sempre consegue o que quer, seja por hipnose ou por todo tipo de maldições e feitiçarias. Ele tem poder para eliminar todos os oponentes perigosos e indesejáveis.
Embora Harry pareça ter uma personalidade agradável, a desobediência, a mentira, o regozijo com a desgraça alheia e o ódio fazem parte do seu comportamento diário. Eles são recompensados, porque Harry está na escola daquele a quem Jesus descreveu como um mentiroso e assassino desde o princípio (João 8.44). Os nosso filhos deveriam freqüentar esta escola?
Todos sabem que os corações das crianças são maleáveis. Falta-lhes discernimento e aceitam prontamente o que lhes é ensinado. Gabriele Kuby escreve no livro “Harry Potter - O Empurrão Global no Ocultismo Pagão” : “Por que alguém oferece às crianças maldições e contra-maldições para servir-lhes de brincadeira?... Quando eu recentemente visitava a família de um de meus parentes, escutei a filhinha de oito anos exclamar de repente: “Crucio!” e olhar em volta para ver a reação. O seu irmão mais velho respondeu: “Não diga isso! Pois é uma maldição imperdoável!” As crianças aprendem padrões de comportamento através das brincadeiras. Queremos que elas aprendam maldições como uma opção para enfrentar a vida em seus anos futuros?”
Sabemos de casos específicos, em que os livros e os filmes de Harry Potter causaram sérios danos às crianças. Por exemplo: uma criança escreveu para Harry Potter com seu próprio sangue; uma outra, ouvia vozes dando-lhe ordens perversas. Causa então alguma surpresa, que ansiedade, distúrbios do sono e desordens de comportamento estejam aumentando entre as crianças?
Proibir diretamente às crianças de participarem do mundo de Harry Potter, não nos levará a nada. Ao invés disto, temos de conversar abertamente com nossos filhos e despertar sua percepção a respeito dos perigos que estão envolvidos.
Quem Nos Ajudará?
Onde podemos encontrar ajuda para o mais fraco e indefeso grupo de idade, as crianças que estão sendo expostas às influências destrutivas? Somente em Jesus, nosso Salvador e Auxiliador. Podemos somente oferecer um auxílio conhecendo o Seu poder.
A Madre Basilea escreve:
Foi Jesus quem carregou nossos pecados sobre si na cruz e exclamou: “Está consumado!” (João 19.30). A Ele pertence todo o poder no céu e na terra. É Jesus, a quem todos os povos adorarão um dia. Ele derrotou a Satanás. Seu Nome triunfa sobre todas as artimanhas do inimigo. Quando o Seu Nome é proclamado, as correntes do pecado são quebradas e os enganos de Satanás desfeitos. O Nome de Jesus protege contra todos os ataques de Satanás.
Ninguém é igual a Jesus!
Ele é quem cuida de nós e nos ama com um amor indescritível. Ele deseja compartilhar tudo conosco.
Jesus - Ele se tornou um de nós; portanto, Ele é capaz de compreender todas as nossas fraquezas, tentações e tristezas.
Jesus - Ele é Aquele que jamais nos abandonará. Ele está sempre conosco para ajudar-nos e para vencer todos os nossos medos e ansiedades.
Jesus - Por amor a nós, Ele sofreu uma morte agonizante, a fim de que o medo da morte já não tenha poder sobre nós.
Jesus - Somente Ele tem poder para perdoar nossos pecados e nos purificar de todo o mal.
Jesus - Ele é o Único que pode destruir o poder de Satanás sobre nossas vidas.
Ele garante uma vida cheia de sentido e plena de alegria, paz e gozo àqueles que crêem nEle e O seguem.
A maioria das crianças tem o coração aberto para Jesus. Em Mateus 19.14, Ele diz: “Deixem vir a mim as crianças e não as impeçam; pois o Reino dos céus pertence aos que são semelhantes a elas.”
Portanto, deveríamos tentar, o mais cedo possível - sem pressão ou coerção - apresentar o nosso Salvador e o Reino da Luz às crianças - e, acima de tudo, através do exemplo de nossas vidas. Então Jesus e Seus anjos cuidarão delas e serão uma forte defesa contra os poderes das trevas.
Uma oração simples e sincera é tudo quanto se necessita para entrar no Reino da Luz. Você pode usar suas próprias palavras ou a seguinte oração:
Jesus, Satanás está tentando me afastar de Ti. Ele quer me levar para o seu reino, mas eu não quero mais ouvir suas mentiras.
Confio no Teu amor e sei que Tu és Meu Salvador e Redentor. Confesso a Ti todos os meus pecados - aqueles dos quais estou consciente e aqueles que cometi sem intenção, especialmente os que me levaram a entrar em contato com o reino de Satanás... (enumere cada um).
Creio na Tua vitória, porque Tu derramaste Teu sangue na cruz por mim e me libertaste do poder de Satanás em minha vida.
Renuncio a Satanás e a todas as forças do mal.
Eu me entrego a Ti, Senhor Jesus. Escolho o Teu Reino da Luz.
Satanás não tem mais nenhum direito sobre mim, pois Tu vieste para destruir as obras do diabo, também em minha vida.
Amém.
Evangelical Sisterhood of Mary, Darmstadt / Germany
(Adaptação do texto em alemão) Todos os direitos reservados