9 de agosto de 2011

willian Carey, o pai das missões modernas

william carey



Na Inglaterra do século 18, os cristãos não pensavam muito em missões nisto. A salvação dos outros povos era um assunto de Deus. Quando quisesse salvá-los, Ele o faria. O cenário só mudou quando este inglês, de nome William Carey, não se conformou com esta atitude colonialista e egoísta.
Ordenado pastor, Carey começou a pregar sobre a universidade do amor de Deus, ele que era de uma igreja batista particular, que cria que a graça de Cristo era restrita apenas aos predestinados. Suas palavras pareciam vozes num deserto árido. No entanto, na noite do dia 30 de maio de 1792, ele pregou uma marcante mensagem numa reunião de pastores. Baseado em Isaías 54.1,2, ele desafiou os ouvintes com a seguinte frase-tema: "Se você espera grandes coisas, faça grandes coisas". Esta frase ficou famosa com um complemento: "Se você espera grandes coisas de Deus, faça grandes coisas para Deus", que faz justiça ao pensamento de Carey.

PARA SE REENCANTAR COM A VIDA

A mensagem estava baseada na profecia de Isaías (Isaías 54.2-3). Este texto descreve a vida do povo de Israel em determinado contexto e pode ser aplicado também à vida de muitos cristãos, e eu me refiro àqueles que perderam o encanto pela vida. Ouçamos a descrição completa:

[1.] Canta alegremente, ó estéril, que não deste à luz;
exulta com alegre canto e exclama, tu que não tiveste dores de parto;
porque mais são os filhos da mulher solitária do que os filhos da casada, diz o Senhor.
[2.] Alarga o espaço da tua tenda;
estenda-se o toldo da tua habitação, e não o impeças;
alonga as tuas cordas e firma bem as tuas estacas.
[3.] Porque transbordarás para a direita e para a esquerda;
a tua posteridade possuirá as nações e fará que se povoem as cidades assoladas.
[4.] Não temas, porque não serás envergonhada;
não te envergonhes, porque não sofrerás humilhação;
pois te esquecerás da vergonha da tua mocidade
e não mais te lembrarás do opróbrio da tua viuvez.
[5.] Porque o teu Criador é o teu marido;
o Senhor dos Exércitos é o seu nome;
e o Santo de Israel é o teu Redentor;
ele é chamado o Deus de toda a terra.
(Isaías 54.1-5)

Este texto, relido à luz da vida de William Carey, ajuda àqueles que querem dar uma virada nas suas vidas.
Quem tem a Deus como Senhor é comparado a uma mulher estéril, incapaz de dar à luz, numa cultura em que a fecundidade era um valor supremo. Sua vergonha era imensa.
Na comparação poética, não tinha filhos, mas recebe a estranha ordem de alargar o espaço da tenda, isto é, aumentar o tamanho da sua casa, como se fosse ter um filho.

1. Mantenha a visão de Quem Deus é (verso 5).
O desencanto com a vida advém de uma falta de visão de quem Deus é.
Neste texto, encontramos algumas imagens para Deus que indicam o modo como Ele se relaciona conosco:
Ele é o marido, mas marido cuidadoso, fiel, infalível.
Seu nome é Senhor dos Exércitos, indicando que é forte, acima de qualquer força e de qualquer obstáculo.
Ele é santo, palavra aqui é sinônimo de perfeito.
E é ainda o Deus de toda a terra, o que mostra que Ele é universal; por isto, Ele nos alcança, e não há limite em Sua ação para conosco.

Carey cria num Deus assim.
Carey cria que Deus marido amava os indianos. Ele era marido também dos indianos. Quando Carey tentou, o resultado foi o nascimento de uma sociedade missionária foi fundada e Carey, junto com um médico, foram os primeiros enviados, no caso à Índia.
Carey cria no Nome de Senhor dos Exércitos. Para ele, Deus triunfaria sobre os obstáculos, principalmente do comodismo e do egoísmo humanos
Carey cria que Deus era Santo, logo, perfeito em Seus planos
Carey cria que Deus era o Deus de toda a terra, e alcançaria os indianos. E alcançou.

2. Louve a Deus, pelo que Ele fará embora ainda não esteja fazendo, por crer que Ele fará e estar convencido que Ele fará (verso 1)
O desencanto com a vida se expressa na lamentação. Acontece por causa da ilusão, que é o encanto com pessoas e causas, que devem ser conseqüências de um entusiasmo com Deus.
Jonas e a mulher de Jó são exemplos da falta de encanto com o Senhor e com a vida .
. Perda da visão de Deus. Perdemos a visão de Deus quando olhamos apenas para nós mesmos. Quando olhamos apenas para os nossos problemas.
. Esta visão de Deus deve provocar uma atude que transcenda a contemplação, mas que chegue à ação.
. Louve Aquele Deus que está atento às suas necessidades. Como Israel se sentia, Deus se apresentou.
. Como você se sente, Deus se apresenta.
O que é isto, louvar? Segundo a Bíblia, Louvar é ter uma visão de Deus e ser possuído por esta visão. É dizer o que Ele é e viver segundo esta visão. O louvor é filho e mãe da fé, porque nasce dela e a fortalece. Se seu Deus for pequeno, você não precisa louvá-lO e você será pequeno também.

3. Faça grandes coisas, mesmo que pareçam sem sentido 
(versos 2 e 3)
Carey foi um homem que fez grandes coisas.
Ele acreditou que os indianos eram amados por Deus e foi ser o amor de Deus para eles.
Fundou uma sociedade missionária e tornou-se ele mesmo um missionário.
Viu as necessidades dos indianos. A partir de Serampore, atuou como educador, pregador, ativista, tradutor, gramático e editor.
No campo da educação, ele fundou uma escola e traduziu e editou a Bíblia, em 40 idiomas e dialetos diferentes; no campo da justiça, ele se empenhou pelo fim do infanticídio e o enterro das viúvas vivas. Foi em parte graças a ele que na Índia se aboliram o infanticídio, praticado como forma de aliviar as pressões financeiras sobre as famílias, e a sati, o hábito de enterrar vivas as viúvas. Para ver o fim do infanticídio, ele esperou nove anos. Para ver abolida a sati, ele lutou 34 anos.
Faça inteiro. Faça grande. Mesmo que movido apenas pela fé. Não deixe nada pela metade. Lembre-se de como são as coisas no Reino de Deus, como expostas nesta parábola de Jesus: O reino dos céus é semelhante a um grão de mostarda, que um homem tomou e plantou no seu campo; o qual é, na verdade, a menor de todas as sementes, e, crescida, é maior do que as hortaliças, e se faz árvore, de modo que as aves do céu vêm aninhar-se nos seus ramos (Mateus 13.31-32).

4. Faça grandes coisas para Deus como o propósito da sua vida.
Tenha um projeto de vida. Carey tinha.
Quando ele estava próximo da morte, notou que as pessoas começavam a falar dele, do seu trabalho, etc. Ele chamou um amigo e disse:
-- Dr. Duff! Você tem falado acerca do Dr. Carey. Quando eu partir, não diga nada sobre o Dr. Carey; fale sobre o Deus do Dr. Carey.

Considerado pai do movimento moderno de missões, há outro episódio na sua vida que revela bem a sua fibra e sua fé.
No dia 11 de Março de 1832, Carey estava fora de Serampore, ensinando em Calcutá. Repetinamente seu assistente, William Ward, sentiu cheiro de fumaça. Era o fogo queimando o escritório e a gráfica, onde traduções da Bíblia eram impressas. Apesar dos esforços, tudo foi destruído.
Quando soube da notícia, Carey ficou atordoado. Estavam perdidos um amplo dicionário poliglota, duas gramáticas, duas versões inteiras da Biblia., além de impressoras em 14 idiomas, 1200 resmas de papel, 55 mil páginas impressas e 30 páginas do dicionário bengali. Toda a sua biblioteca também fora queimada. O trabalho de muitos anos estava destruído.
Depois de chorar um pouco, ele disse: "A perda é pesada, mas, assim como viajar por uma estrada pela segunda vez é geralmente mais fácil e mais seguro que na primeira, estou certo que a obra nada perderá nada de real valor. Não estamos desanimados, uma vez que a obra já está iniciada em todos os idiomas. Estamos abatidos, mas não desesperados".

O propósito da sua vida não podia ser queimado. Não se queima a esperança. Não se queimam ideais.

Quando as notícias chegaram à Inglaterra, Carey imediatamente se tornou amplamente conhecido e aquela tragédia tornou-se o principal fator para o desenvolvimento do seu ministério. Muitos recursos financeiros foram levantados e centenas de pessoas se apresentaram como voluntários. A editora foi reconstruída e ampliada. Em 1832, Bíblias completas, Novos Testamentos e porções bíblicas tinham sido impressas em 44 idiomas e dialetos.

CONCLUSÃO
É um engano pensar que você começará a viver quando tiver saúde, quanto tiver resolvidos os seus problemas.
O encanto de Israel, o louvor de Israel, começou quando estava na viuvez (verso 4 )